Trump pede a Biden que renuncie e que assuma a responsabilidade pelo rápido avanço do Taleban.

O ex-presidente dos Estados Unidos Donald Trump é responsável pela rápida expansão do ex-Taleban conforme os militares dos Estados Unidos se retiram do Afeganistão, onde está estacionado há quase 20 anos. Ele insistiu que deveria ser levado e pediu ao presidente Joe Biden que renunciasse. "É hora de Joe Biden assumir a responsabilidade por permitir que a situação aconteça no Afeganistão e renunciar em desgraça", disse Trump. "O que Joe Biden fez ao Afeganistão é uma narrativa. Será uma das maiores derrotas da história dos Estados Unidos!"

Além disso, ele culpou Biden pela rápida disseminação da nova infecção por coronavírus nos Estados Unidos e pelas políticas de imigração, econômicas e de energia.

O Taleban, que havia sido derrubado pelo ataque aliado liderado pelos EUA em 2001, está assumindo o controle de todo o país com o impulso de um bambu quebrado e, no dia 15, também assumiu o controle da capital Cabul. Em 2020, o antigo governo Trump assinou um acordo de paz com o Taleban em Doha, capital do Catar, e prometeu retirar completamente as tropas dos EUA até maio de 2021, com a condição de que o Taleban não permitisse atividades terroristas no país.

No entanto, Biden, que se tornou presidente em janeiro deste ano, adiou o prazo de retirada e tornou-o incondicional.

Trump frequentemente acusou Biden dessa medida, alegando que se ele ainda fosse presidente, a retirada teria sido "completamente diferente, muito mais bem-sucedida".

Trump pede a Biden que renuncie e que assuma a responsabilidade pelo rápido avanço do Taleban.