Departamento de Defesa dos EUA cancela contrato de nuvem de 1 trilhão de ienes com a Microsoft.

Departamento de Defesa dos EUA é a gigante de TI dos EUA microsoft anunciou que cancelou o contratos de nuvem em grande escala de 10 bilhões de dólares (cerca de 1,1 trilhão de ienes). De acordo com uma analize de 160 empresas multi nacionais, o negócio de nuvem de grande escala do ministério chamado "Joint Enterprise Defense Infrastructure (JEDI)" atende às necessidades atuais. Como não está mais disponível, o contrato é cancelado e iniciado o procedimento para um novo contrato com "vários fornecedores". O contrato JEDI foi conquistado pela Microsoft no final de 2019. Por outro lado, do lado da Amazon, na época de Donald trump( Donald trump argumentou que retaliação da atitude política em relação ao presidente da empresa), existe uma possibilidade que afetou o resultado da licitação. Tinha evoluído para um processo. Um funcionário do governo disse que, em vez de prosseguir com o negócio enquanto mantém uma ação judicial, a empresa repartirá com o objetivo de utilizar a tecnologia mais recente. O Pentágono disse em um comunicado que buscará sugestões da Amazon e da Microsoft para o novo acordo, dizendo que no momento eles são os únicos provedores de serviços de nuvem que podem atender aos requisitos do ministério.

Departamento de Defesa dos EUA cancela contrato de nuvem de 1 trilhão de ienes com a Microsoft.